outubro 22, 2009

Liga Europa _ SLBenfica - Everton


In Abola

Goleada das antigas (5-0) com magia de Dí Maria

O Benfica goleou o Everton (5-0) e subiu à liderança do grupo I da Liga Europa. Num jogo disputado a ritmo intenso, a águia foi mais eléctrica e contagiou os adeptos nas bancadas.

Depois da derrota na Grécia e frente ao líder do grupo o Benfica estava proibido de deslizar. E se não deslizou, fez ainda melhor: reduziu o Everton a cinzas, graças a uma exibição endiabrada de Dí Maria e ao grande acerto ofensivo de Saviola (dois golos) e de Óscar Cardozo (outros dois).

Jorge Jesus manteve a lógica de dar a titularidade nos jogos europeus ao guarda-redes brasileiro Júlio César e a verdade é que o ex-belenense não teve muito trabalho.

Permitindo que o jogo assumisse um ritmo à inglesa, o Benfica chegou à vantagem logo aos 13 minutos, através de Saviola, após um incrível cruzamento de Dí Maria.

Até ao intervalo o Everton ainda deu sinais de tentar mudar a sorte da partida, investindo num tipo de jogo que o favorecia: parada e resposta. Ainda assim, o resultado permaneceu inalterado.

À entrada para a segunda parte a águia voltou a abrir as asas. De novo Dí Maria em destaque. Aos 46 minutos, assistência do argentino para Cardozo que, na pequena área, só teve de empurrar a bola com o pé para o fundo da baliza.

No minuto seguinte foi a vez de Saviola, de novo pela esquerda, cruzar com conta, peso e medida, para a cabeça de Cardozo, de onde saiu o terceiro golo do Benfica.

Mantendo um ritmo rápido, o Benfica chegou ao quarto golo aos 51 minutos, desta vez através de cabeçada certeira de Luisão, na sequência de um pontapé de canto.

Em vantagem, com a liderança do grupo assegurada e ciente de que segunda-feira há jogo de campeonato, o Benfica manteve-se dominador, mas permitiu finalmente que a velocidade da partida fosse reduzida, mas nunca tirou os olhos da baliza. Só esta atitude, aliás, permitiu que Saviola fizesse ainda o quinto golo, após nova assistência de Dí Maria.

Vitória mais do que justa, grande exibição e resultado histórico para a equipa de Jorge Jesus. Eis o balanço de mais uma jornada europeia.

Árbitro: Nikolay Ivanov (Rússia)

BENFICA: Júlio César; Ruben Amorim, Luisão, David Luiz e César Peixoto; Ramires, Javi Garcia, Aimar (Carlos Martins, 69) e Dí Maria; Cardozo (Fábio Coentrão, 77) e Saviola (Weldon, 84).

Suplentes: Quim, Maxi Pereira, Sidnei, Carlos Martins, Fábio Coentrão, Weldon e Nuno Gomes

Treinador: Jorge Jesus

Golos: Saviola (13, 84), Cardozo (46, 47), Luisão (52).

Assistência ao Jogo : 44.534 espectadores na Luz.

Sem comentários: