janeiro 26, 2010

SLbenfica All Star - Amigos do Ronaldo e Zidane


                 PARABÉNS ao nosso Rei EUSÉBIO.

In ABola
25/1/2010



Benfica All Star-Amigos de Zidane, 3-3 (com fotos)


Chuva de estrelas no Estádio da Luz, com 51 312 espectadores a verem o Jogo Contra a Pobreza, cujos lucros serão canalizados para a ajuda humanitária ao Haiti.

Grande noite na Luz, comm um misto de saudade e solidariedade e um incrível concentração de estrelas de todas as idades.

O resultado foi o menos importante, mas acabou 3-3, com dois golos de Nuno Gomes e Éder Luís para o Benfica, Kaká, Robert Pires e Bhutia para os Amigos de Zidane.

19:42 - Simão Sabrosa também está na Luz, embora não esteja equipado veio a Lisboa dar o seu apoio. Humberto Coelho é o capitão do Benfica, Zidane, lidera a outra equipa.

20.02 - Cumpre-se um minuto de silêncio em memória das vítimas do Haiti no dia 12 de Janeiro. As bancadas estão compostas, o jogo começa com alguns minutos de atraso, com Eusébio, que hoje cumpre 68 anos, a dar o pontapé de saída. Referência, também, a mais um aniversário sobre a morte de Miki Fehér.

20:09 - Já se joga no Estádio da Luz.

2m - Muitas palmas para o regresso de Miccoli, também para Paneira, Rui Costa ou Poborsky.

5m - Humberto Coelho já cumpriu a sua parte, entra Mozer para a defesa do Benfica.

6m - Jean Sony também sai, o haitiano agradece todo o apoio ao seu país. Entra o holandês Cocu.

10m - Remate de Rui Costa, defesa de Barthez...

14m - Kaká faz o 1-0 para os Amigos de Zidane. O brasileiro passou pelos centrais do Benfica, sentou Quim e encostou..

16 - Benfica faz o empate. Miccoli desmarca Nuno Gomes com um passe com o calcanhar direito!

20_ Novo passe de Miccoli a desmarcar Nuno Gomes, que agora atirou ao lado.

22m - Nuno Gomes faz o 2-1 para o Benfica. Katsouranis desmarca Miccoli à esquerda, este dá para Nuno Gomes, que apenas tem de encostar.

26m - Bom remate de Pauleta, ao lado!

27m - Vítor Paneira não aguenta mais, entra Ramires.

30m - Começa a dança das substituições.

34m - Neno, agora na baliza do Benfica, faz óptima defesa a remate de Zidane!

39m - Remate de Chalana, Luciano, novo guarda-redes da equipa dos Amigos de Zidane, agarra.

40m - Chalana e Dani Alves estão em duelo aceso!

44m - Roberto Pires quase marcava, atirou de cabeça ao poste.

45m - Tempo de intervalo. Seguramente haverá mais substituições para a segunda parte.

Em tempo de intervalo, a fadista Kátia Guerreiro actua no centro do relvado, cantando os parabéns a Eusébio.

46m - AS equipas estão renovadas. Do lado do Benfica jogam Moreira, Veloso, Manuel Fernandes, Shéu, Hélder, Schwarz, Poborsky, Saviola, entre outros. Do lado dos amigos de Zidane, estão em campo Obikwelu, Tymoshuk, Nedved... Do lado da equipa de arbitragem, substituição também: Pedro Proença substitui Collina.

53m - Robert Pires faz a igualdade, 2-2. Zidane passa por Veloso e serve Pires.

55m- Francis Obikwelu jogou dez minutos pela equipas dos amigos de Zidane e sai para dar lugar a Alfredo Esteves. Zidane cede lugar a Hagi.

60m -
Éder Luís faz o 3-2 para o Benfica All-Stars. Passe de Saviola.

61m - Moreira faz excelente exibição na baliza do Benfica, respondendo a remates de Hagi e companhia.

62m - Entram Akwá e Michael Laudrup para os Amigos de Zidane.

63m - Valdo e Rui Águas preparam-se para entrar no Benfica.

64m - Sai Cardozo, entra Rui Águas, Saviola dá lugar a Valdo, Éder Luís cedo posto a Abel Silva.

71m - Hagi cede lugar a Dugarry.

75m - Entram Pietra e Valido, saem Miguel Vítor e Hélder na equipa do Benfica

80m - Nené prepara-se para entrar.

82m - Um adepto entra em campo e consegue correr até Shéu, colocando-lhe um cachecol. Sai a correr e só é parado por seis seguranças!

83m - Sai Rui Águas, entra Nené, muitas palmas

84m - 3-3. Empate para os Amigos de Zidane, marcado por Bhutia.

85m - O actor Ricardo Pereira entra para o lugar de Le Saux.

86m - Neno faz agora de árbitro assistente...

87m - Sai Schwarz, entra Magnusson, uma das maiores ovações da noite.

89m - Tymoschuk atira ao poste!

90m - Magnusson cai depois de evitar Tymoschuk. Foi traído pelo relvado, mas é impossível não notar os quilos a mais...

94m - final da partida.

Sob arbitragem de Pierluigi Collina e Pedro Proença:

Benfica All Stars: Quim, Miguel, Humberto Coelho, Luisão e Dimas; Katsouranis, Paneira, Karagounis, Rui Costa, Nuno Gomes e Miccoli
Jogaram ainda: Neno, Moreira, Abel Xavier, Mozer, Hélder, Miguel Vítor, Chalana, Ramires, Schwarz, Saviola, Éder Luiz, Manuel Fernandes, Abel Silva, Pietra, Valido, Paulo Madeira, Rui Águas, Valdo, Nené e Magnusson
Treinadores: Toni e Jorge Jesus

Amigos de Zidane: Barthez; Dani Alves, Marquez, Fernando Couto, Jean Sony, Figo, Davids, Zidane, Henry, Kaká e Pauleta
Treinadores: Van Gaal e José Peseiro
Jogaram ainda: Luciano, Hierro, Olic, Cocu, Hagi, Kluivert, Popescu, Bhutia, Lehmann, Kluivert, Hagi, Le Saux, Radebe, Pires, Laudrup, Dugarry, Nedved, Akwá, Amer, Alfredo Esteves, Obikwelu, Tymoshchuk, Digão, Ricardo Pereira, Martin Solveig

Marcador: 0-1 por Kaká (14); 1-1 por Nuno Gomes (16); 2-1 por Nuno Gomes (22); 2-2 por Pires (53); 3-2 por Éder Luís (60); 3-3 por Bhutia (84)

 

1 comentário:

Dylan disse...

Desportivamente falando, o Barcelona é conhecido pelo lema "més que un club" - mais que um clube. Se quiséssemos fazer um paralelismo no resto do mundo chegaríamos à conclusão que também ficaria bem atribuir este epíteto ao SL Benfica. Não que a instituição portuguesa tenha intuitos regionalistas, mas antes, a representação de um povo, do ser português, a personificação do fado lusitano, da saudade e, do emigrante que não renega as suas origens. Os catalães ajudam anualmente a Unicef, enquanto que o Benfica, através da sua recém-criada Fundação, associou-se à ONU, canalizando a receita do Jogo Contra a Pobreza para as vítimas do Haiti. Porque o Benfica tem uma matriz popular, social, solidária, à imagem da epopeia na construção do seu antigo Estádio, através de Joaquim Bogalho. Para se ser "mais do que um clube", é imprescindível deixar marcas fora das "quatro linhas", numa época em que o egoísmo e a crise financeira internacional assumem proporções gigantescas sem que o Estado tenha capacidade de resposta.

http://dylans.blogs.sapo.pt/