setembro 15, 2015

SL Benfica – FC Astana, 2-0


Paciência, entrega e virtuosismo!
1ª Jornada UEFA Champions League


O SL Benfica venceu o FC Astana e conquistou os três primeiros pontos na Champions, num jogo em que foram necessários vários predicados…

Noite de chuva e frio na capital Lisboa, Catedral com meia casa (32 799 nas bancadas) para acolher a entrada do Glorioso em mais uma edição da Liga dos Campeões.

Prestígio Desportivo, reforço Histórico do emblema e os muitos euros em disputa na competição… ingredientes mais do que saborosos para uma caminhada que se espera longa e de sucesso.

E Sport Lisboa e Benfica e FC Astana foram os protagonistas de mais um desafio histórico! É que pela primeira vez uma equipa portuguesa e outra cazaque se defrontaram nas competições europeias, aliás esta foi, de resto, a estreia de uma equipa oriunda do Cazaquistão na Liga Milionária.

Noite de estreia na Champions também para o treinador Rui Vitória e para os jovens da Formação do Clube Nelson Semedo e Gonçalo Guedes, que surgiram no onze, aliás, o mesmo que goleou o Belenenses na última sexta-feira na Luz.

Primeira metade com pouco para dizer, escrever, neste caso! Jogo mastigado, com a equipa do FC Astana a adotar uma postura super defensiva, no erro do adversário, com o Benfica, pouco imaginativo, a não conseguir encontrar o caminho mais eficaz para as redes contrárias.

Apenas dois lances a merecer honras de destaque e ambos com o mesmo protagonista: Jonas. Meia hora de jogo com o brasileiro a rematar forte para uma grande defesa de Eric; em cima do intervalo, lance individual, com o avançado a permitir nova intervenção ao guardião dos visitantes.

Na segunda metade a história foi outra!

Paciência e muita entrega dos jogadores aos comandos de Rui Vitória para nunca perderem o foco no objetivo, num jogo em que a postura cazaque complicou e enervou… Depois, surgiu em campo o virtuosismo individual em prol do coletivo e a partir daí o Benfica soltou-se e carregou para a vitória. Mas vamos a factos!

Entrada inesperada, com o FC Astana muito perto do golo, com Aleksey Shchetkin a enviar a bola ao poste… e a partida finalmente animou!

Aos 51’, Gaitán, acelera, deixa tudo para trás e arranca rumo à baliza adversária, rematando cruzado – sem hipótese – para o golo da vantagem “encarnada”.

Estava feito o primeiro tento da noite… e o nó (bem atado do FC Astana) desatado finalmente!

A partir daqui, só deu Benfica e foi com naturalidade que os “encarnados” aumentaram a vantagem.

Minuto 62’, Gaitán abriu na ala, Eliseu foi à linha cruzar e Mitroglou, à ponta de lança, encostou para o 2-0.

Até ao final, gestão inteligente... Vitória justa!

O SL Benfica alinhou de início com Júlio César; Nelson Semedo, Jardel, Luisão e Eliseu; Samaris (Fejsa, 86'), Talisca (Raúl Jiménez, 76’), Gaitán e Gonçalo Guedes; Mitroglou e Jonas (Pizzi,71’).

No outro desafio do Grupo C, na Turquia, o Atlético de Madrid venceu o Galatasaray (0-2). Com este resultado, espanhóis e portugueses assumem a liderança.

Segue-se o clássico para o Campeonato Nacional. O Sport Lisboa e Benfica desloca-se ao estádio do Dragão às 19h15 do próximo domingo, numa partida relativa à 5.ª jornada da competição.

Já a Liga dos Campeões regressa no dia 30 de Outubro, com os “encarnados” a viajarem até Espanha para defrontar o Atlético de Madrid, na 2.ª ronda do Grupo C da prova.

SA
Fotos: Isabel Cutileiro / SL Benfica

Sem comentários: