fevereiro 18, 2010

Liga Europa _ 16 Avos-de -Final

In ABola



Benfica não vai além de empate na Alemanha (1-1)

O Benfica empatou esta noite em Berlim, frente ao Hertha (1-1) e deixou tudo em aberto na Liga Europa para a partida da segunda-mão, a disputar dentro de uma semana no estádio da Luz.

Entrou muito bem o Benfica no jogo, com Di Maria a cumprir a tradição de marcar na Alemanha. Foi logo aos três minutos que o jovem jogador argentino aproveitou excelente passe de Carlos Martins e, livre de marcação, fuzilou a baliza de Drobny.

A ganhar por 1-0, o Benfica controlou a partida nos 30 minutos seguintes, período após o qual começou a perder fulgor. O Hertha, último classificado da liga alemã chegou ao empate aos 32 minutos, graças a lance infeliz de Javi Garcia que meteu o pé a um cruzamento da direita e acabou por trair Júlio César.

Empatado ao intervalo, esperava-se que o Benfica renascesse na segunda-parte. As águias, no entanto, não arriscaram. Com algumas desconcentrações defensivas, a equipa portuguesa viu-se na iminência de sofrer um segundo golo.

Nicu desperdiçou o mais grave dos erros defensivos e, livre de marcação, não conseguiu melhor do que rematar à base do poste da baliza benfiquista.

Até final as melhores oportunidades pertenceram ao Hertha, tendo o Benfica reagido apenas timidamente depois das três substituições efectuadas por Jorge Jesus.

BENFICA - Júlio César; Rúben Amorim, Luisão, David Luiz, César Peixoto; Javi García; Ramires, Carlos Martins, Di María; Saviola e Cardozo

Suplentes: Moreira, Aimar, Weldon, Nuno Gomes, Felipe Menezes, Miguel Vitor, Éder Luís

Golo: Javi García (32, p.b.); Di María (3)

Sem comentários: