julho 18, 2011

Email Aberto _ Domingos Amaral


Sombras

From: Domingos Amaral
To: Pinto da Costa

Caro Pinto da Costa
Quando apresentou o seu atual treinador, o sr. Pereira, o senhor disse que não estava nada “magoado” com Villas-Boas por ele ter ido para o Chelsea, e lançou uma das suas habituais chalaças, dizendo que “só estaria magoado se tivesse caído” de um sétimo andar. Contudo, as suas declarações desta semana mostram que ficou mesmo magoado. Agora, Villas-Boas já não tem méritos e foi-se embora porque temia a “sombra” de José Mourinho. Afinal, doeu-lhe, e muito, o par de cornos de Villas-Boas. Longe vão os tempos em que o senhor ofendia Mourinho para louvar Villas-Boas. Ainda se lembram? Foi há um par de meses, e nesse momento excitante de euforia “o André” era o maior, e a equipa dele um dos melhores Portos de sempre, só comparável ao de Artur Jorge, e portanto melhor que o de Mourinho, que foi apenas o único a ter-lhe dado duas vitórias europeias seguidas, a UEFA e a Champions.

Diga-se que eu até admiro esta sua lealdade cega. A lealdade, aliás, só é bonita quando é cega. Enquanto “o André” estava na cadeira de sonho, Mourinho era péssimo, e não lhe chegava aos calcanhares. Quando “o André” o encornou, “o André” passou a ser um tipo que se pode enxovalhar, um cagarolas que teme a sombra do grande mestre. Como já dizia o Camões, mudam-se os tempos, mudam-se as vontades. Aposto que um dia destes ainda o vamos ouvir dizer que o sr. Pereira é o melhor treinador de sempre que o senhor viu na vida… 

   In  Record

Sem comentários: