janeiro 21, 2013

Moreirense – SLBenfica, 0-2


Moreirense – Benfica, 0-2: Atacar até à vitória final!

A equipa de Futebol profissional do Sport Lisboa e Benfica somou esta segunda-feira mais uma vitória no Campeonato Nacional. Num encontro de sentido único, o ataque benfiquista deu resultados práticos na segunda metade, com Salvio e Lima a serem os marcadores de serviço.

Moreira de Cónegos acolheu o terceiro duelo entre as duas equipas na presente temporada. Apesar de a formação da casa estar posicionada no último lugar da classificação, o conjunto da Luz entrou consciente da necessidade de entrar determinado no encontro, de forma a evitar qualquer género de surpresa, ainda que tenha existido um alerta nos primeiros segundos, com Ghilas a acertar no poste.

Independentemente do nome do adversário, o objectivo da equipa passa por conquistar os três pontos e este desafio não fugiu à regra, com as primeiras oportunidades a surgirem muito cedo, apesar de ter nem sempre ter sido fácil devido à postura defensiva do opositor. Lima (2’) e Cardozo (7’) foram os primeiros a ameaçar as redes do guarda-redes Ricardo Andrade.



O Benfica continuou a ser a equipa com mais profundidade no terreno e as oportunidades voltaram a aparecer a partir dos 15 minutos. Lima (16’), Cardozo (20’ e 29’) e Luisão (33’) foram os protagonistas dos principais lances de perigo.



A situação mais flagrante estava, no entanto, guardada para o período de descontos do primeiro tempo. Após um grande trabalho de individual, Salvio desviou, em esforço no relvado, para o poste da baliza do Moreirense.

A segunda parte começou com um ritmo bastante elevado por parte da equipa comandada por Jorge Jesus. Com uma grande dinâmica ofensiva e sentido de baliza, a formação da Luz quase marcou nos primeiros 15 segundos, através de um remate de Gaitán. Ricardo Andrade travou a intenção do argentino, voltando a intervir aos 47 minutos, após um cabeceamento de Cardozo.



Não foi à primeira, nem à segunda…foi à terceira. Salvio arrancou em direcção da baliza e só parou depois de rematar para o fundo das redes do Moreirense. Estavam decorridos 48 minutos.

Embalado pelo golo, o número 18 esteve perto de facturar pouco tempo depois, mas o seu cabeceamento não entrou devido a um corte de um defensor dos visitados em cima da linha de golo (52’).

Foi num dos lances de ataque do Benfica que se viu algo de inacreditável. O defesa do Moreirense Anilton cortou a bola com o braço dentro da área, após um ressalto de bola, mas o árbitro João Capela, de frente para o lance, nada assinalou…



Lima sentenciou
A equipa da Luz continuou à procura de mais golos e Lima veio a marcar aquele que foi o último tento do desafio, ao fazer uma “picadinha” ao guardião dos visitados (70’).

O Benfica geriu o resto do desafio e venceu, assim, o Moreirense, por 0-2. Com este resultado na 15.ª jornada, o Benfica ocupa o lugar mais alto da classificação da Liga. Na próxima jornada, a formação comandada por Jorge Jesus vai jogar no campo do SC Braga.

O Sport Lisboa e Benfica alinhou com a seguinte equipa: Artur Moraes; Maxi Pereira, Luisão, Jardel e Melgarejo; Matic, Enzo Perez, Gaitán (Ola John, 67’) e Salvio; Cardozo (Rodrigo, 64’) e Lima (André Almeida, 86’).



Texto: Rui Manuel Mendes
Fotos: Gualter Fatia / SL Benfica

Sem comentários: