novembro 02, 2010

SLBenfica _ Museu a todo o vapor


O museu do Benfica vai tornar-se realidade no final de 2011 e tem como referência, entre outros, o do Manchester United. A sala onde os encarnados vão expor os troféus e as principais conquistas será um espaço multimédia.
Principal obra idealizada por Luís Filipe Vieira para o seu terceiro mandato como presidente das águias, o museu corre a todo o vapor. Ontem, no dia em que completou 7 anos da sua primeira eleição, abriu as portas do departamento de Reserva, Conservação e Restauro (RCR) e do Centro de Documentação e Informação a antigos jogadores e sócios fundadores. Para o dirigente, são “dois projectos inéditos na história do clube e que juntos servirão de alicerce ao museu”.

Goglioso
O RCR funciona no piso -2 do Estádio da Luz. Ali, uma equipa trabalha na preservação e manutenção das 20 mil peças que constituem a colecção encarnada. Nada falta: desde uma sala preparada para a conservação de materiais até um laboratório de intervenção em metais, passando por um espaço dedicado a desinfestações.
No segundo andar do estádio outra equipa dedica-se à preservação e classificação, em formato digital, de artigos de imprensa (do clube e não só), rádio e televisão. Como se exemplificou na ocasião, até um motor de busca foi criado para facilitar a pesquisa – o Goglioso, semelhante ao Google, ao Yahoo ou ao português Sapo. No futuro, estudantes, investigadores e sócios poderão consultar essa documentação. “Vamos disponibilizar a nossa documentação, a nossa história, às universidades de Portugal e do Mundo”, disse Vieira.

In Record

Sem comentários: