abril 20, 2011

O Voo da Águia_ Marta Rebelo



O 5.º metatarso
 
Depois de três valentes sustos e um sofrimento a lembrar 1988 até aos 44’, o Benfica foi ao balneário de Eindhoven acalmar os nervos para entrar nas quatro linhas reencontrado e vitorioso. Recuperámos de dois sustos: os golos holandeses, marcados nuns desgraçados 15 minutos de total ausência benfiquista. Mas do primeiro de todos, aquele que só depois dos 90’ saberíamos ser o mais grave, vamos ver como recuperamos: a lesão de “Toto” Salvio.

Feita a vingança de Estugarda – pois, ao intervalo homenagearam os “heróis” de 1988, no final da partida os heróis eram outros –, deixámos de ter descanso. Só no campeonato, com as equipas C e D a darem descanso aos guerreiros das Taças. A partir de agora não há margem para erro: 4.ª fazer justiça à vantagem de dois que trouxemos do Dragão; sábado renovar a Taça da Liga em Coimbra; e dia 5 vencer em Braga. Por muitos. Porque, como ouvi dizer a adeptos do SCB, desta feita o árbitro é internacional. Engraçado, diziam isto em jeito de recado para sul: meus senhores, aí no Minho é que fizeram do roubo mister! São osso duro de roer, mas creio que sem invenções de Jesus terminam a meia-final da Liga Europa roidinhos até ao tutano. Só que entre nós e Dublin não está só o SCB. Está uma fratura no 5.º metatarso do pé direito de Salvio. E a nossa ala direita fraturada sem o argentino. Iniciámos a época com uma esquerda problemática, vamos terminá-la com os problemas à direita – tal e qual o país… Que fará Jesus? Amorim está arredado; Martins fez um bom extremo na 5.ª, mas não é a mesma coisa; Gaitán é “móvel” mas para o centro; julgo que a solução está noutro “preferiti” de JJ: Franco Jara.

Ainda que Jesus diga que a rotação na Champions nos permite chegar agora à meia-final, a verdade é que tal é fruto do acaso e não de estratégia. Perdemos a Liga de início e fizemos uma triste figura na Europa, a desperdiçar milhões de euros, prestígio e pontos. Mas se chegarmos ao Jamor, conquistarmos Coimbra e dia 18 pisarmos o relvado em Dublin, esta será uma bela época benfiquista. A eles, rapazes. A eles!

 In Record

1 comentário:

suave.portugues disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.